10 dicas de planejamento e economia durante a Black Friday

Quando o assunto é economizar nas compras de final de ano, a Black Friday 2017 tem um papel importante. Isso porque, a data atualmente é uma das mais esperadas pelos consumidores, tanto em numero de lojas participantes, quanto as ofertas disponibilizadas.

10 dicas para comprar com segurança durante a Black Friday

Grandes lojistas como Ponto Frio, Carrefour, Magazine Luiza, Casas Bahia, Americanas e Submarino, apostam na data para alavancar suas vendas. Para isso, planejam oferecer um maior numero de opções de produtos e promoções com descontos de até 70%.

Pelo lado dos consumidores, algumas medidas fazem necessário para garantir a melhor experiência durante a promoção. Abaixo separamos dez dicas de compras segura e como aproveitar o melhor dessa edição da Black Friday.

Compras em Lojas Físicas

A data promocional chegou ao comércio brasileiro em 2010, com participação apenas de lojas online. Após o grande sucesso, já nos anos seguintes, houve a adesão das lojas físicas, tornando essa, uma das datas de maior movimentação do ano.

1 – Horário de funcionamento:

Diferente das compras online, lojas físicas precisam cumprir horário de funcionamento. Portanto, quanto mais cedo realizar as compras, maiores serão as chances de economia.

2 – Evite distrações na hora das compras:

Apesar de não ser uma promoção relâmpago, alguns itens, principalmente com descontos de até 70% esgotam rápido. Distrações na hora da compra podem significar a diferencia entre fazer uma boa compra ou não.

3 – Segurança:

Com o grande fluxo de consumidores nas lojas e pelas ruas, chama a atenção de criminosos, por isso todo o cuidado é pouco. Evite andar com muito dinheiro e cuidado com pertences, sacolas e bolsas.

4 – Pagamentos à vista:

Lojas físicas possibilitam uma melhor negociação junto aos vendedores e gerentes. Pechinchar nunca é demais. E no caso das compras realizadas em dinheiro, não perca a oportunidade de barganhar um descontinho maior nas compras.

5 – Planejamento:

Diferente da web, que com apenas alguns cliques é possível ter acesso a preços e opções de descontos em diversas lojas. Andar pelas ruas e shoppings, exige um bom planejamento para não desperdiçar tempo e dinheiro.

É importante fazer uma lista de compras, visitar com ao menos com duas semanas de antecedências suas lojas de preferências e anotar os preços e condições de pagamentos.  Isso ajuda a conferir os valores praticados no dia da Black Friday. Alem disso, é preciso preparar a mente e corpo para a maratona em um dia tão concorrido de compras.

Compras em lojas online

A Black Friday no Brasil foi uma iniciativa da web brasileira.  Isso aconteceu em 2010, quando o portal agregador de preços e promoções, o BuscaDescontos, realizou a primeira promoção.

As compras online estão diretamente relacionadas ao sucesso da promoção e rápida adesão junto aos consumidores. Mesmo assim, para garantir as melhores compras é preciso alguns cuidados também nas compras online.

6 – Sites de Descontos:

Pesquisar em diferentes sites, mesmo na web, pode ser algo cansativo. Por isso, vale a pena apostar nos sites agregadores de preços.

Alguns serviços reúnem todas as principais ofertas da promoção, bem como uma comparação média de preços dos últimos 30 dias.

Entre os comparadores de preços e cupons descontos, destacam serviços como o BuscaDescontos, Buscapé, Peixe Urbano, Meliuz e Cuponeria.

7 – Fraudes:

Durante a promoção, aumenta os riscos de fraudes. Isso porque, alguns sites falsos para atrair suas vitimas, oferecem descontos e produtos com preços bem abaixo da média.

Para evitar esse tipo de armadilha, é importante comprar de sites confiáveis, verificar se há registros na Receita Federal, endereço físico entre outras observações.

8 – Segurança:

A segurança na hora da compra é deve estar em primeiro lugar, Independente que a plataforma seja um notebook ou smartphones, é importante manter o aparelho com o antivírus e todo o sistema atualizado.

Antes de efetivar sua compra, verifique se há na barra do endereço, o símbolo do cadeado, alem disso, nunca faça operações financeiras em redes ou computadores públicos.

9 – Reputação das lojas:

A reputação de uma loja online é muito importante. Apesar das chamadas promoções com preços maquiados terem diminuídas nos últimos anos, ainda é possível encontrar propaganda enganosa.

Mas não é somente com relação aos preços, que deve ser levada em consideração, outros fatores como prazo de entrega, cobranças indevidas e falta de produtos, podem prejudicar a experiência das compras na Black Friday.

Sites como o ReclameAqui, mantêm um serviços dedicado a Black Friday, com analise das reclamações em tempo real.

10 – Planejamento:

Seja nas compras em lojas físicas ou pela web, planejar é tudo. Nunca deixe para ultima hora do evento. Pesquise com antecedência as lojas de sua preferência, e para agilizar o processo de compras, faça seus cadastro com antecedência nas lojas virtuais.

Para evitar compras por impulso, a dica é  fazer uma lista de prioridade das compras, baixar aplicativos com cotação de preços em tempo real

Destaque 10 dicas de planejamento e economia durante a Black Friday

Confira no Promoo 10 dicas de economia e segurança para aproveitar as melhores promoções e lojas durante a Black Friday … Continuar lendo